ANTUNES, Ernesto Augusto de Melo PDF Imprimir e-mail

Nasceu em Lisboa a 2 de Outubro de 1933. Frequentou a Escola do Exército, fez o tirocínio na Escola Prática de Artilharia de Vendas Novas e, em 1957, subiu à categoria de alferes. A sua passagem pela vila alentejana ficou marcada pelos primeiros contactos com grupos de oposição e pelos primeiros atritos com a hierarquia militar, que lhe valeram a colocação nos Açores, onde permaneceu em serviço de 1958 a 1962.

Cumpriu três comissões de serviço em Angola, entre 1963-1965, 1966-1968, e 1971-1973. Embora o seu nome surgisse entre os candidatos da CDE às eleições legislativas de 1969 por Ponta Delgada, as autoridades militares impediram a sua apresentação a escrutínio. Regressado de Angola, ingressou no Movimento dos Capitães em 1973, tornando-se num dos principais redactores do programa político do MFA.

Depois do 25 de Abril de 1974 integrou o Conselho de Estado e foi ministro sem pasta do II Governo Provisório, liderado por Vasco Gonçalves. Assumiu a pasta dos Negócios Estrangeiros nos IV e VI Governos provisórios, presididos por Vasco Gonçalves e Pinheiro de Azevedo, respectivamente. Considerado um dos ideólogos do MFA, foi autor de documentos emblemáticos como o programa económico conhecido como «Plano Melo Antunes» ou o «Documento dos Nove», elaborado com outros elementos da ala moderada do Conselho da Revolução. Membro deste organismo até à sua extinção, em 1982 , pertenceu também ao Conselho de Estado a partir de 1982. Aderiu ao PS em 1981. Morreu a 10 de Agosto de 1999.

 
Apoios: