MACEDO, Jorge Avelino Braga de PDF Imprimir e-mail

Nasceu em Lisboa em 1947 e licenciou-se em Direito na Universidade de Lisboa. Obteve o grau de mestre em Relações Internacionais na Universidade de Yale, EUA, e o grau de doutor em economia, pela mesma universidade, em 1979. Leccionou na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa no período após o 25 de Abril, na Universidade de Princeton, entre 1980 e 1986 e nas Universidades Nova e Católica, depois de 1986.

Colaborou com o Fundo Monetário Internacional (FMI) e desenvolveu trabalhos de consultoria para diversas instituições como a Confederação da Indústria Portuguesa, o Banco Mundial e as Nações Unidas. Em 1989 mudou-se para Bruxelas, onde foi director das Economias Nacionais na Direcção Geral dos Assuntos Económicos e Financeiros da Comissão Europeia. Nomeado director-geral adjunto do Orçamento na Comissão Europeia em Agosto de 1991, abandonou o cargo no mesmo ano para tomar posse como ministro das Finanças, a 30 de Outubro, no Governo de Cavaco Silva.

Durante a sua passagem pelo Governo foi concretizada a adesão portuguesa ao Sistema Monetário Europeu (SME), a 6 de Abril de 1992, e a liberalização do mercado de capitais.

Enfrentou períodos de forte instabilidade dos mercados cambiais europeus, que afectaram o escudo, a ponto de conduzir a desvalorizações em Novembro de 1992 e em Maio de 1993. Por outro lado, produziu declarações nas quais defendeu a necessidade de baixar as taxas de juro, que causaram polémica junto do Banco de Portugal e conduziram ao afastamento do governador e ex-ministro das Finanças, Miguel Beleza, em Julho de 1994. Braga de Macedo foi, por seu turno, afastado do Governo numa remodelação de 13 de Dezembro de 1993, sendo substituído por Eduardo Catroga. Seria depos escolhido para o Centro de Estudos para o Desenvolvimento da OCDE, cargo que desempenhou entre 1999 e 2001.

 
Apoios: