1963 PDF Imprimir e-mail

13 de Janeiro
Primeiro “veto” do general De Gaulle à adesão britânica à CEE.

23 de Janeiro
O PAIGC desencadeia a luta armada contra o Exército português nas frentes de Sul e de Leste, a partir da Guiné-Conakry.

29 de Janeiro
Bruxelas. As negociações com a Grã-Bretanha são interrompidas.

1 de Fevereiro
Bruxelas anuncia a suspensão «sine die» das negociações entre Portugal e a CEE, cuja data inicial estava marcada para dia 11 de Fevereiro.

18 de Fevereiro
18 e 19 de Fevereiro. Reunião do Conselho Ministerial da EFTA em Genebra sob a presidêndia do ministro português Correia de Oliveira.

23 de Abril
Genebra. Correia de Oliveira, presidente do Conselho Ministerial da EFTA, declara que a EFTA, como o Mercado Comum Europeu, só terão alcançado os seus verdadeiros fins quando a Europa deixar de estar dividida em dois blocos económicos: «Sem me referir aos riscos a longo prazo no sector da cooperação política, estou persuadido de que os interesses económicos dos membros da EFTA e do Mercado Comum só podem encontrar inteira satisfação quando os fundamentos para o desenvolvimento de relações duráveis e directas entre as economias e povos da Europa Ocidental sejam estabalecidos com êxito».

9 de Maio
9 e 10 de Maio. Reunião do Conselho Ministerial da EFTA em Lisboa, sob a presidência de Correia de Oliveira. O encontro reflectiu os efeitos decorrentes do fracasso do processo negocial de adesão do Reino Unido à CEE, suscitando o reforço da associação entre os países da EFTA e a aceleração da queda das barreiras alfandegárias.
Entre os resultados obtidos na Conferência, conta-se a criação de uma Comissão de Desenvolvimento Económico, com a missão de facilitar a colaboração entre os estados membros nos campos financeiro, técnico e outros.
Portugal viu consagrado o princípio da protecção aduaneira nacional aos produtos industriais que ainda não possuíam capacidade de exportação competitiva, uma excepção no contexto da EFTA.

20 de Julho
Assinatura da Convenção de Yaoundé (Camarões). Acordo de associação celebrado por um período de cinco anos entre a CEE e 17 países africanos e Madagáscar.

24 de Julho
A Comissão Económica e Social das Nações Unidas retira a Portugal a qualidade de membro da comissão.

12 de Setembro
Assinatura, em Ankara, do acordo de associação entre a CEE e a Turquia.

18 de Setembro
O ministro da Presidencia, Correia de Oliveira, profere um discurso, transmitido pela rádio e pela televisão, em que declara a necessidade de Portugal ser realista, e aproveitar as possibilidades imediatas que o mercado da EFTA nos oferece.

22 de Novembro
Assassinato do presidente dos EUA, John Kennedy.

23 de Dezembro
Bruxelas. O Conselho de Ministros dos Seis chega a acordo quanto à PAC.

 
Apoios: