1986 PDF Imprimir e-mail

1 de Janeiro
Europa a 12. Espanha e Portugal passam a fazer formalmente parte das Comunidades Europeias.

3 de Janeiro
Primeira reunião da Comissão Europeia após o alargamento.

António Cardoso e Cunha é nomeado membro da Comissão Europeia para as Pescas.

3 de Janeiro
Harmonização alfandegária de Portugal e Espanha com a CEE; aumentam as taxas aos produtos agrícolas norte-americanos, tendo o governo dos EUA considerado «muito decepcionante» a proposta de Bruxelas para o seu pedido de compensação.  

13 de Janeiro
Estrasburgo. Tomam posse os 24 deputados portugueses ao Parlamento Europeu designados pela Assembleia da República.

17 de Fevereiro
Luxemburgo e Haia, 17 e 28 de Fevereiro . Assinatura do Acto Único Europeu.  

9 de Março
Investidura de Mário Soares como Presidente da República.

28 de Março
Rui Vilar é designado Director-Geral na CEE.

11 de Abril
Visita do Presidente da Comissão Europeia, Jacques Delors, a Portugal. Jacques Delors entregou ao Governo português um documento favorável ao PEDIP e desbloqueou a atribuição de 7 milhões de contos correspondentes à segunda tranche de financiamentos do FEDER. Discutiu-se o problema das regras de origem e as relações comerciais entre CEE e EUA.  

29 de Maio
Bruxelas. A bandeira europeia é içada pela primeira vez ao som do hino europeu.

26 de Junho
26 e 27 de Junho. Conselho Europeu de Haia.

29 de Junho
Congresso do PS. Vitor Constâncio é eleito secretário-geral do partido.

3 de Julho
3-4 de Julho. Cardoso e Cunha , Comissário Europeu das Pescas, visita Lisboa, Porto, Matosinhos e Portimão, reunindo com armadores e outros empresários do sector das pescas (UNICOPESCA).

8 de Julho
Mário Soares , em visita a Estrasburgo, discursa perante o Parlamento Europeu: "O Destino Europeu da Portugal".  

10 de Julho
O Parlamento Europeu aprova por larga maioria uma resolução favorável à autodeterminação do povo de Timor-Leste.  

19 de Julho
São eleitos 24 deputados ao Parlamento Europeu (substituem os deputados nomeados).

21 de Outubro
Encerramento da II Convenção do PRD: Ramalho Eanes é eleito presidente do partido.  

5 de Dezembro
5 e 6 de Dezembro. Conselho Europeu de Londres

18 de Dezembro
Aprovação pela Assembleia da República do Acto Único Europeu, com os votos favoráveis de PSD, PS, PRD e CDS, abstenção do MDP/CDE e votos contra do PCP.
Portugal torna-se o décimo país a aprovar no Parlamento a revisão do Tratado de Roma.

 
Apoios: